Pierre Baitelli traz Hedwig e o Centímetro Enfurecido a SP

26 ago

Luís Francisco Wasilewski, especial para o Aplauso Brasil (lfw@aplausobrasil.com)

Pierre Baitelli é Hedwig

Protagonizado pelo excelente Pierre Baitelli e dirigido por Evandro Mesquita, Hedwig e o Centímetro Enfurecido é um rock-musical, que conta a história de Hedwig, vocalista e líder da banda O Centímetro Enfurecido. A temporada paulistana começa às 21h30 de hoje, no Teatro Nair Bello (3º andar do Shopping Frei Caneca).

A peça conta a história da ‘internacionalmente ignorada estilista musical’, Hedwig Schmidt, uma deusa do rock’n’roll da antiga Berlim Oriental, que incidentalmente também é a vítima de um erro médico durante sua operação de troca de sexo, que a deixou com o tal“centímetro enfurecido” citado no título da peça.

Esta ultrajante e inesperadamente hilária história é apresentada por Hedwig – nascido Hansel – no formato de um show de rock/monólogo cômico, apoiado por uma banda, o “Centímetro Enfurecido”. Através de canções e monólogos, Hedwig começa sua história na antiga Berlim Oriental, onde, ainda como Hansel, conhece Luther, um militar americano que promete levá-lo para os Estados Unidos, com a condição de que troque de sexo. Após a malsucedida operação, Luther a abandona num trailer no meio do Kansas, onde ela começa a trabalhar com música e conhece Tommy Speck, por quem se apaixona. Tommy rouba suas canções e se transforma numa estrela de rock, enquanto Hedwig é novamente descartada. Ela decide batalhar por justiça e começa a perseguir Tommy em sua turnê mundial, se apresentando em restaurantes perto dos estádios onde ele se apresenta.

"Hedwig e o Centímetro Enfurecido"

Com muito rock’n’roll, comédia e emoção, através de canções glam-rock populares, Hedwig, seduz e comove o espectador com a sua busca para encontrar seu espaço no mundo.

John Cameron Mitchell, o autor do espetáculo, obteve reconhecimento mundial recente após dirigir o ótimo filme Shortbus

Hedwig estreou no Rio de Janeiro em setembro de 2010 no Teatro das Artes e recebeu 2 indicações ao Prêmio Shell (Pierre Baitelli melhor ator e Evandro Mesquita e Danilo Timm melhor direção musical). Já no Prêmio Arte Qualidade Brasil, foram 4 indicações (Melhor ator, diretor, atriz e espetáculo) e Pierre Baitelli ganhou o prêmio de melhor ator.

O espetáculo teve mais de cinquenta diferentes produções internacionais. Primeiro estreou no circuito off-broadway em 1998, estrelado pelo próprio autor, John Cameron Mitchell, que em seguida foi responsável por protagonizar, adaptar e dirigir a versão cinematográfica, que se tornou um clássico cult-pop contemporâneo.

Para a temporada no Brasil, a montagem ainda conta com o figurino de Marta Reis; produção musical de Flavio Senna Neto; cenografia de Suzane Queiroz; e iluminação de Luiz Paulo Nenen. O visagismo é assinado por Daniel Reggio, a programação visual por Tania Grillo e as videos-projeções (animação e colagem de imagens) por John Fitzgerald e Daniel McKernan.

Hedwig e o Centímetro Enfurecido

Teatro Nair Bello (200 lugares)

Shopping Frei Caneca – Rua Frei Caneca, 569 – 3° andar.

Telefone: 11 3472-2414

Sextas, 21h30; sábados, 21h, e domingos, 18h.

Bilheteria: de terça a sábado, das 14h às 21h30; domingos, das 14h40 às 19h.

Aceita todos os cartões de débito e crédito. Não aceita cheque.

Estacionamento R$ 6 até duas horas.

Vendas: www.ingresso.com e tel.: 4003-2330

Sexta, às 21h30. Sábado, às 21h. Domingo, às 18h.

Ingressos: R$ 60

Duração: 80 minutos

Recomendação: 16 anos

Estreia 26 de agosto, sexta-feira.

Temporada até 16 de outubro.

Ficha Técnica:

Autor: John Cameron Mitchell

Letras e Música: Stephen Trask

Tradução: Jonas Calmon Klabin

Direção e Adaptação: Evandro Mesquita

Elenco:

Pierre Baitelli – Hedwig

Felipe Carvalhido – Hedwig

Eline Porto – Yitzhak

Músicos: Diego Andrade – bateria

Fabrizio Iorio – teclado

Melvin Ribeiro – baixo

Pedro Nogueira – guitarra

Assistente de direção: Deborah Bapt e Manuela Mesquita

Figurino: Marta Reis (Pandora Estúdio)

Cenografia: Suzane Queiroz (Pandega)

Iluminação: Luis Paulo Nenen

Produção Musical: Flavio Senna

Programação Visual: Tania Grillo

Diretor de Projeção: John Fitzgerald

Colaboradores de projeção: Adam Kaufman, Daniel McKernan e Tânia Grillo

Visagismo: Daniel Reggio

Preparação Vocal: Danilo Timm

Produção: Dan Klabin e Jonas Calmon Klabin

Direção de Produção: Jonas Calmon Klabin e Tathiana Mourão

Produção Executiva: Tathiana Mourão

Produção Local: Beto Amaral e Carolina Agresta

Assistente de produção: Rafael Mose

Realização – Oz.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: