O Grande Inquisidor agora no SESC Pompeia

30 nov

Luís Francisco Wasilewski, especial para o Aplauso Brasil (lfw@aplausobrasil.com)

"O Grande Inquisidor" - crédito Águeda Amaral

SÃO PAULO – Sucesso de público e crítica, o espetáculo O Grande Inquisidor tem adaptação e direção de Rubens Rusche, cenografia e figurinos de Sylvia Moreira e traz à cena o ator Celso Frateschi. A montagem está de volta, dessa vez no SESC Pompeia.

“Recentemente, encenadores, como Patrice Chéreau e Peter Brook, entre outros, realizaram versões teatrais da obra com grande sucesso. O que nos inspira montar esse texto nos dias de hoje é sua pertinência poética e a contundência das questões que ele concretiza para o homem e para a sociedade do início do século 21. Talvez esta seja a sua contribuição para o teatro”, diz Celso Frateschi.

Sobre a construção de seu personagem, Frateschi detalha: “Busco a complexidade de suas relações e suas múltiplas possibilidades, para depois sintetizar, em ações essenciais, signos poéticos que possam estimular o prazer e a reflexão da plateia. O nosso Grande Inquisidor, feliz e infelizmente, é aquilo que está em cada um de nós e que, se ainda nos resta alguma esperança, repudiamos. É mais fácil vê-lo nos outros do que em nós mesmos, mas ele está em cada um de nós, passiva ou ativamente. Essa é a grande provocação de Dostoievski”.

Celso Frateschi é "O Grande Inquisidor" - crédito Águeda Amaral

A História

Sevilha, século 16. Na época mais terrível da Inquisição espanhola, um homem, que é visto fazendo milagres e seguido pela multidão como se fosse o Cristo de volta à terra, é preso, torturado e condenado à fogueira pelo Grande Inquisidor, um cardeal da Igreja. Na cela, durante o interrogatório, o Cardeal faz surpreendentes revelações a esse homem. Entre outras coisas, explica a ele por que sua vinda é considerada um estorvo à missão da Igreja.

“Aparentemente uma inocente parábola religiosa, O Grande Inquisidor é, na verdade, um discurso político, uma confrontação ideológica entre duas ideologias opostas. Acima de tudo está em debate a questão central da liberdade humana”, define o diretor.

Ficha Técnica:

Texto: Fiodor Dostoievski

Direção e Adaptação: Rubens Rusche

Elenco: Celso Frateschi e Mauro Schames

Cenário: Sylvia Moreira, Marcelo Halpern e Pedro Becker

Figurinos: Sylvia Moreira

Luz: Wagner Freire

Maquiagem: Leopoldo Pacheco

Assistência de Direção: André Piza

Comunicação: Monolito

Serviço:

O GRANDE INQUISIDOR – De 2 a 18 de dezembro. Sexta-feira e sábado, às 21 horas e domingo, às 19 horas, no Espaço Cênico do SESC POMPEIA.

Duração – 55 minutos.

Capacidade – 50 lugares.

Indicação Etária – 14 anos.

Ingressos – R$ 16,00 (inteira); R$ 8,00 (usuário matriculado no SESC e dependentes, pessoas com mais de 60 anos, professores da rede pública de ensino e estudantes com comprovante) e R$ 4,00 (trabalhador no comércio e serviços matriculado no SESC e dependentes).

SESC Pompeia – Rua Clélia, 93. Telefone – (11) 3871-7700. Acesso para deficientes físicos.

Horário de funcionamento da Bilheteria – De terça a sábado das 9 às 21 horas e domingos e feriados das 9 às 20 horas (ingressos à venda em todas as unidades do SESC). Aceitam-se cheque, cartões de crédito (Visa, Mastercard, Diners Club International) e débito (Visa Electron, Mastercard Electronic, Maestro e Redeshop).

Não há estacionamento. Para informações sobre outras programações ligue 0800-118220 ou acesse o portal www.sescsp.org.br.

Uma resposta to “O Grande Inquisidor agora no SESC Pompeia”

  1. RODOLFO ALEX 1 de dezembro de 2011 às 3:56 PM #

    VAMOS?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: