Delicada, divertida e instigante, assim é A Garota do Adeus

24 maio

Maria Lúcia Candeias*, especial para o Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

"A Garota do Adeus"

SÃO PAULO – Reunir essas qualidades num mesmo texto teatral não é pra qualquer um, mas é simples para Neil Simon, o campeão dos sucessos na Broadway. Nascido em 1927 escreveu peças como Estranho Casal e Hairspray, seus sucessos mais recentemente montados por aqui. Agora chega A Garota do Adeus. Peça que merece, como quase todas as obras (Descalços no Parque e Jesus Cristo Superstar, entre outras da enorme coleção do autor, o título que escolhemos para esse artigo.

O enredo trata de uma senhora Paula, abandonada pelo marido, o qual simplesmente subloca a própria casa, onde ela e a filha moram. Fazer o que? Era ele quem tinha assinado o contrato!

O responsável pela ótima adaptação é Edson Fieschi quem, também, interpreta o novo locatário com brilho e tem que se acertar com a protagonista Paula, a cargo da maravilhosa Gabriela Duarte, cuja filha Júlia Gomes de tenra idade, promete ser uma futura Fernanda Montenegro.

Edson Fiesch e Gabriela Duarte dividem o palco em peça de Niel Simon

Em papeis secundários Nilton Bicudo ( que está dando um verdadeiro show em Coisa de Louco, peça nova de Fauzi Arap)  e Clara Garcia, quem interpreta uma bailarina- atriz de maneira convincente.

Além de emplacar na direção de elenco, Elias Andeato está bem cercado de profissionais experientes: o cenário é de José Dias, o figurino de Fábio Namatame . A luz é do famoso produtor Mário Martini que surpreende quem não o conhecia por esse dom.

Por essas e outras não deixe de ver. É mais um grande acerto do Teatro Renaissance que não costuma errar no repertório, em cartaz às sextas (21h30) sábados (21h) e domingos (18h).

Ficha técnica:

Texto: Neil Simon.

Adaptação: Edson Fieschi.

Direção: Elias Andreato.

Elenco: Gabriela Duarte, Edson Fieschi, Nilton Bicudo, Clara Garcia e Julia Gomes.

Iluminação: Mário Martini.

Cenário: José Dias.

Figurino: Fábio Namatame.

Produção Geral: Luciano Borges.

Serviço:

A Garota do Adeus

Teatro Renaissance.

Alameda Santos, 2233 – Jardins – São Paulo. Temporada: sextas, às 21h30, sábados, às 21h e domingos, às 18h. Classificação: 10 anos.

Preços: sextas R$ 70, sábados e domingos R$ 80.  Capacidade do teatro: 462 lugares. Duração: 90 minutos. Até 5 de agosto. Vendas por telefone e internet: Ingresso Rápido

*Maria Lúcia Candeias, doutora em teatro pela USP, Livre Docente pela UNICAMP.

Uma resposta to “Delicada, divertida e instigante, assim é A Garota do Adeus”

  1. Eduardo Santos 20 de junho de 2012 às 1:49 PM #

    cuja filha Júlia Gomes de tenra idade, promete ser uma futura Fernanda Montenegro. Como destruir uma carreira, colocando uma responsabilidade de anos de teatro numa jovens atriz, a comparação não faz jus á ambas! Vamos parar de comparações cada ser humano é unico, ai reside a beleza!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: