Sucesso de público e crítica re-estreia em São Paulo

27 ago

Nanda Rovere, especial para o Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

"Luis Antonio - Gabriela"

SÃO PAULO – Depois de vários prêmios, entre eles, o Prêmio APCA – Melhor Espetáculo 2011, Prêmio Shell de Melhor Direção, 12º Prêmio APOLGBT Cidadania em respeito à Diversidade e Melhor Espetáculo do Ano pelo Prêmio Governador do Estado, a Cia. Mungunzá faz temporada no teatro João Caetano com Luis Antonio – Gabriela, a partir desta quinta-feira (30).

Na peça, o diretor Nelson Baskerville relata uma história real: a de seu irmão mais velho, Luis Antonio que parte para a Espanha usando o nome de Gabriela, após muitos desentendimentos familiares, principalmente com o pai, que jamais aceitou a sua homossexualidade. Baskerville não teve mais contato com o irmão.

O documentário cênico, com argumento de Baskerville e dramaturgia da atriz Verônica Gentilin, começa com o nascimento de Luís Antonio, em 1953, na cidade de Santos, e termina com a sua morte. Sua trajetória é recuperada a partir de documentos e dos depoimentos do diretor, de sua irmã, Maria Cristina, de sua madrasta, Doracy, e Serginho, cabeleireiro em Santos e amigo de LuisAntonio.

Em 2002, Baskerville recebeu a ligação de Doracy, avisando que Luís Antonio havia morrido na Espanha. Sem contato há 30 anos com o irmão, Baskerville confessa não ter ficado abalado com a notícia.

A irmã, Maria Cristina, no entanto, descobriu que Luis Antonio estava vivo e doente. Foi ao seu encontro.

Luis vivia em Bilbao, sob o codinome Gabriela, e teve um passado de sucesso nas noites da cidade espanhola. Era viciado em cocaína e sofria de Aids. A partir daquele momento, a família passou a ter notícias dele através da Maria Cristina. Gabriela faleceu em 2006, em Bilbao.

"Luís Antonio - Gabriela", da Cia Mungunzá. Na foto o ator Marcos Felpe

Por meio desse espetáculo, Baskerville pede desculpas ao seu irmão e tem a coragem de colocar no palco questões relacionadas à sua família e ao preconceito que ainda persiste em nossa sociedade.

Na peça, Veronica Gentilin é a responsável por interpretar Nelson Baskerville. Marcos Felipe é Luis Antonio – Gabriela.

A direção optou pelo distanciamento defendido pelo dramaturgo Bertolt Brecht, evitando assim o tom melodramático. Isso não impede que o público saia da sala de espetáculos emocionado.

Recursos audiovisuais,telas do artista Thiago Hattner, trilha tocada e cantada ao vivo e a iluminação, operada pelos próprios atores, estão entre os destaques da encenação.

Sobre a Cia. Mungunzá:

A Cia. Mungunzá de Teatro nasceu em São Paulo, no ano de 2006, por meio da união de atores recém-formados, motivados a aprofundar as técnicas aprendidas na escola e, assim, desenvolver um estudo detalhado do Teatro Épico de Brecht e de linguagens estabelecidas na contemporaneidade.

A Cia entrou em contato com o ator e também professor Nelson Baskerville para a realização de pesquisas sobre o teatro pós-dramático.

Com a peça Por que a criança cozinha na polenta, o grupo começou a chamar a atenção do público e da crítica. Recebeu 36 prêmios em diversas categorias. Luis Antonio – Gabriela é o segundo trabalho realizado.

Ficha técnica:

ARGUMENTO: Nelson Baskerville

INTERVENÇÃO DRAMATÚRGICA: Verônica Gentilin

ELENCO: Marcos Felipe, Lucas Beda, Sandra Modesto, Verônica Gentilin, Virginia Iglesias; Day Porto

DIREÇÃO: Nelson Baskerville

DIRETORA ASSISTENTE: Ondina Castilho

ASSISTENTE DE DIREÇÃO: Camila Murano

DIREÇÃO MUSICAL, COMPOSIÇÃO E ARRANJO: Gustavo Sarzi

PREPARADOR VOCAL: Renato Spinosa

TRILHA SONORA: Nelson Baskerville

PREPARAÇÃO DE ATORES: Ondina Castilho

ILUMINAÇÃO: Marcos Felipe e Nelson Baskerville

CENÁRIO: Marcos Felipe e Nelson Baskerville

FIGURINOS: Camila Murano

VISAGISMO:Rapha Henry – MakeupArtist

FOTOS: Bob Sousa

VÍDEOS: Patrícia Alegre

PRODUÇÃO EXECUTIVA: Sandra Modesto e Marcos Felipe

PRODUÇÃO GERAL: Cia Mungunzá de Teatro

Serviço:

Luis Antonio – Gabriela

Teatro João Caetano (400 lugares)

Rua Borges Lagoa, 650 – Vila Clementino

Próximo à estação Santa Cruz do Metrô

Informações: 5573.3774

Vendas: http://www.ingressorapido.com.br – 4003.1212

Bilheteria: de terça a quinta das 14h às 19h30 e de sexta a domingo, a partir das 14h.

Não aceita cheque. Pagamento em dinheiro e cartão.

Quinta a Sábado às 21h | Domingo às 19h

Ingressos: R$ 20

Excepcionalmente dia 02 de setembro (domingo) não haverá apresentação

Duração: 88 minutos

Gênero: Documentário Cênico

Recomendação: 16 anos

Re-estreia dia 30 de agosto.

Curta temporada: até 14 de outubro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: