Tag Archives: virgínia

Virgínia canta sucessos inesquecíveis de Clara Nunes

4 out

Virgínia Rosa homenageia Clara Nunes

SÃO PAULO – Confira um vídeo de Virgínia Rosa cantando O Mar Serenou.

Serviço:

Virgínia Rosa canta Clara Nunes

Estreia – Dia 5 de outubro,sexta, no Teatro Cleyde Yáconis. Sextas, às 21h30, sábado, às 21h e domingos, às 18h. Ingressos: sextas R$ 30, sábados R$ 40 e domingos R$ 30. Censura: Livre. Duração: 80 Minutos.

Teatro Cleyde Yáconis- Avenida do Café, 277 – Jabaquara – Estação Conceição do metrô. Central de informações: 11 5070 7018. Venda para grupos 11 3334 1358. Capacidade – 288 lugares. Bilheteria – terça a sexta, das 14 às 20 horas – sábados e domingos das 14 até o início do espetáculo. Formas de pagamento na bilheteria – cartões e dinheiro. Venda pela internet: www.ingressorapido.com.br e telefone: 11 4003 1212. Estacionamento no local – entrada Rua Guatapará 170.
<a href="“>

Clara Nunes recebe homenagem da cantora Virgínia Rosa

4 out

Nanda Rovere, especial para o Aplauso Brasil (nanda@aplausobrasil.com)

Virgínia Rosa

SÃO PAULO – O show Virgínia Rosa canta Clara Nunes celebra os 70 anos de nascimento da sambista, considerada uma das maiores pesquisadoras da cultura popular brasileira. As apresentações acontecerão no Teatro Cleyde Yáconis, em curta temporada. A estreia é sexta-feira (5), às 21h30. A direção geral é de Fernando Cardoso. Os músicos são: Robertinho Carvalho (contrabaixo), Dino Barioni (violões), Ramon Montagner (bateria e percussão), Ogair Júnior, pianista que também assina a direção musical.

Clara Nunes

No repertório, Virgínia apresenta músicas de seus álbuns e sucessos de Clara Nunes, como Juízo Final, Quem Me Dera, Ninguém Tem que Achar Ruim, Feira de Mangaio, Canto Das Três Raças, além de Morena de Angola, de Chico Buarque, um dos destaquesda carreira da artista.

Para apresentar as várias facetas da sambista, que também cantava chorinho, forró, valsa e samba-enredo, a cada apresentação serão interpretadas diferentes canções.

Como Clara Nunes era muito ligada à natureza, não poderia faltar no set lista música Forças da Natureza. O cenário e a luz também fazem referência a essa paixão, com cores e elementos que lembram a cor do mar. Continue lendo

O feminino em Chico Buarque

15 out

Edson Júnior, especial para o Aplauso Brasil (Edson@aplausobrasil.com)

Lucinha Lins, Virgínia Rosa e Tania Alves em "Palavra de Mulher"

SÃO PAULO – As vozes femininas de Chico Buarque ganham a cena em Palavra de Mulher, um recorte preciso do universo feminino na obra do principal compositor da música popular brasileira, em cartaz no teatro Cleyde Yáconis até 23 de outubro.

Inicialmente concebido para Virgínia Rosa, o espetáculo conta agora com a participação de Tânia Alves e Lucinha Lins que, em atuações teatrais, interpretam canções compostas para personagens femininas no teatro, cinema e balé.

Continue lendo

Sem Pensar revela atriz

4 ago

Maria Lúcia Candeias, especial para o Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

Cena de "Sem Pensar"

É claro que não se trata de Denise Fraga – há bastante tempo admirada pelo público – e sim de uma jovem atriz, Júlia Novaes, que interpreta Delilah, a filha dela na peça.  Formada pelo Teatro- Escola Célia Helena, a mocinha domina o palco tanto em cenas divertidas como nas mais tocantes. E seu talento sobressai sobre tudo o mais em Sem Pensar.

A peça, que está em cartaz desde maio com casa lotada, acaba de prorrogar a temporada até outubro. Escrita por uma inglesa, Anya Reiss, tem como novidade mostrar o absurdo na vida comum das pessoas que não se respeitam e vivem com pressa. Continue lendo

Maria Alcina revisita a obra do paulistano Arnaldo Antunes

20 ago

Eduardo Melo, especial para o Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

A cantora Maria Alcina interpretou Arnaldo Antunes

Na noite da última terça-feira, subiu ao palco do Teatro Cleyde Yáconis a exuberante e espalhafatosa cantora Maria Alcina  revisitando as canções de Arnaldo Antunes, dentro da segunda edição do projeto Palavra de Paulista ,realizado todas as quartas-feiras ás 18h30 ,no teatro citado .

Dona de uma voz grave e de bastante personalidade, a cantora passeou por todas as fases da carreira de Arnaldo. Acompanhada de excelentes músicos, que deram excelentes soluções de arranjos, casando a bela voz de Maria Alcina com as ótimas criações de Arnaldo Antunes. A cantora conseguiu imprimir toda a sua versatilidade e seu estilo nas composições de Antunes. Continue lendo